treino ABC - treinos

5 dicas para destruir nos primeiros treinos de 2017

Voltar aos treinos depois de ficar uns dias longe da academia não é tão fácil quanto parece. Confira algumas dicas para destruir já no começo de 2017!

Expectativas renovadas, motivação lá em cima de novo, saudade… todo maromba que se preze está pronto para voltar aos treinos neste começo de ano.

Só que é preciso tomar alguns cuidados para não abusar da pegada desse começo de ano e arruinar os mais de 250 dias que 2017 ainda tem pela frente.

Por isso, preparamos uma lista com 5 dicas para você voltar voando nos treinos e ter os melhores resultados da sua história ao longo deste ano.

Quer destruir nos próximos treinos, e nas outras dezenas que virão pela frente até 31 de dezembro? Então se liga:

5 dicas para destruir nos primeiros treinos de 2017

1- Não exagere

Não é porque você ficou alguns dias sem treinar por causa do fim do ano, ou porque você decidiu treinar como uma “resolução de ano novo”, que os primeiros treinos de 2017 precisam ser os mais longos e intensos da sua vida.

Se você “queimar a largada”, ao invés de conseguir músculos, força, um shape insano ou seja lá o que você procura na academia, se lesionar ou “overtreinar” – e as duas coisas podem comprometer seus resultados pelo resto do ano.

Segura a onda, controle a ansiedade e o desejo descontrolado de atingir seus objetivos do dia para a noite (até porque isso não vai acontecer mesmo) e treine com consciência, sem exageros.

2- Comece a monitorar tudo

 

Aproveite que o ano está começando, e comece a monitorar todo o seu treino e sua alimentação.

Você pode usar os bons e velhos papel e caneta ou aplicativos de celular específicos para isso – e não estamos falando apenas de monitorar a ingestão calórica ou de macronutrientes, mas o seu treino também.

Registre quais exercícios você fez, por quanto tempo, com qual volume e intensidade, o seu 1RM, como você se sentiu durante a session, o que foi bom, o que foi ruim, etc.

Esse tipo de trabalho é um pouco chato no começo, mas depois você acostuma e, independente disso, é muito eficiente e pode acelerar e aumentar muito os seus ganhos.

Se fizer isso agora, no final do ano você vai ter um histórico completo da sua evolução, e isso vai ajudar muito a você evoluir ainda mais.

3- Planeje sua suplementação

 

Se você já estava treinando pesado e suplementando no ano passado, é hora de definir o que fazer em 2017. Continuar tomando os mesmos suplementos? Experimentar novos? Repor os estoques?

Analise seu desempenho no último ano, veja se os suplementos que você tomava fizeram os efeitos esperados, pense em que tipo de “suporte” você vai precisar este ano, e invista seu dinheiro onde realmente vale a pena.

Se você não estava treinando, aproveite para conversar com um nutricionista e decidir quais suplementos você precisará tomar – provavelmente whey protein e um pré-treino estarão na lista.

É possível ter ganhos significativos sem suplementar? Claro que sim. Mas não existe discussão sobre o quanto esse tipo de produto aumenta e acelera os resultados.

Você pode comprar os suplementos de sua preferência, mas na Loja da Iridium Labs você encontra os melhores e mais importantes suplementos por um preço especial.

4- Não tenha medo de pedir ajuda

5 erros lesão - spotter

Se você é iniciante, essa é uma dica bem básica: é muito melhor pedir ajuda do que tentar fazer o que não sabe – e fazer errado. Isso só pode resultar em coisas ruins, como lesões.

Só que a dica vale também para quem já está acostumado a treinar e fica com vergonha de pedir ajuda quando precisa. Agora, mais do que nunca, é hora de deixar essa bobagem de lado.

Se você ficou sem treinar durante as férias, vai voltar em outro ritmo, com outra capacidade. Se não contar com spotter e alguém para analisar a execução dos movimentos e oferecer outros tipos de ajuda, é bem possível que se dê mal.

Então, não tenha medo de pedir ajuda, mesmo sendo um atleta avançado. Não tente fazer tudo sozinho.

E nunca esqueça: todos os melhores atletas do mundo, seja ele Mr. Olympia, jogador de futebol ou o Usain Bolt, tem um time de especialistas ao seu lado durante todo o treino, para fazê-los melhorar sempre.

5- Recordes para depois

 

Caso você tenha ficado sem treinar por alguns dias no final do ano passado e começo deste ano, os primeiros treinos de 2017 serão de adaptação. Não invente moda tentando quebrar seus recordes ainda em janeiro.

Seu corpo precisa voltar ao ritmo de antes, e não só em relação à força, mas também à forma – o tempo parado certamente influenciará negativamente na execução dos movimentos que precisam ser perfeitas para você cogitar um recorde pessoal.

Além disso, se você ficou muito tempo longe dos treinos, possivelmente ganhou um pouco de gordura e, ao invés de pensar em recorde, deveria pensar em queimar gordura.

Então, aproveite os primeiros treinos do ano para readaptar o corpo, readquirir o ritmo e voltar à boa forma (tanto física quanto técnica) do ano passado antes de pensar em recorde.

E aí, preparado para destruir os treinos e ter os melhores resultados da sua história em 2017?

Comentários